Loading...
17 de maio de 2012

Postura do Consultor Empresarial

O consultor, como pessoa indicada para auxiliar uma empresa, deve estar bem preparado para prestar essa consultoria de maneira satisfatória. Para isso, é necessário que além de possuir bons conhecimentos e habilidades como já foi mencionado, compreenda o objetivo da empresa ao contratar sua consultoria. Sem que compreenda realmente a intenção da empresa, o resultado pode ser prejudicado, haja vista as diversas variáveis que podem surgir ao longo do processo.
Com a crescente procura por consultorias empresariais, muitos consultores passaram a surgir no mercado, o que por muitas vezes deixa as empresas confusas quanto a quem contratar e a real eficiência dos consultores. Não basta assim o profissional ser competente tecnicamente, mas também deve ser hábil a transmitir e implantar o conhecimento.

 

Deve passar credibilidade para que sua contratação seja justificada.
O consultor deve ser sincero, honesto e discreto; respeitar o cliente, seu negócio e identidade cultural, respeitando suas convicções e lembrando-se sempre que seu papel é auxilia-lo e não impor medidas. Daí a necessidade de que seja competente e tenha o jogo de cintura necessário para que possa facilmente driblar eventuais mudanças e obstáculos, assumindo diversos papéis e se colocando em cada situação. Assim, o consultor adota determinadas posturas, baseado em suas metas e convicções, colocando-se na posição mais adequada em relação ao seus interlocutores.
Fundamental assim que os consultores sejam bem preparados e façam parte de uma equipe bem estruturada, o que o ampara nos momentos de decisão e pesquisa; que é justamente o que a Duplo Foco oferece com seus serviços de consultoria empresarial; garantindo um bom atendimento e satisfação garantida para sua empresa

%d blogueiros gostam disto: