Prejuízo com a falta de Planejamento de Produção

Prejuízo com a falta de Planejamento de Produção

A Duplo Foco foi buscar este caso da Sanmsung, de não conseguir atender a uma demanda, sucesso inesperado, o que pode acontecer de dissabores para a empresa e para a marca.
Samsung não consegue atender a demanda do Galaxy S III
 Gargalo na produção do aparelho custou à empresa a venda de 2 milhões de unidades em apenas um mês.
A dificuldade da Samsung em atender à forte demanda pelo novo smartphone Galaxy S III pode ter custado à sul-coreana a venda de 2 milhões de unidades em apenas um mês, segundo informações da Reuters.
Para uma empresa que nunca tinha experimentado o mesmo sucesso da Apple em um lançamento, a grande demanda é um problema até bom, mas o gargalo na produção (pontos dentro de um sistema industrial que limitam a capacidade final de produção) prejudicou parte das vendas na Europa e obrigou algumas operadoras norte-americanas a adiarem as entregas.
O Galaxy S III foi o smartphone da Samsung que recebeu as melhores críticas e está para bater o recorde da fabricante em velocidade de vendas, com mais de 10 milhões de unidades nos dois primeiros meses. O lançamento aconteceu em um momento oportuno, já que o próximo iPhone só deve sair no final do ano e concorrentes como Google e Microsoft parecem não ter atraído muita atenção no mercado. “A Samsung talvez tenha sido pega de surpresa pela demanda, não é que subestime os próprios produtos. O provável é que tenha superestimado os concorrentes”, disse Carolina Milanesi, analista do Gartner.
“Em outras palavras, além do iPhone e do oneX, da HTC, no momento não existe grande concorrência no mercado, e isso certamente pode ter ajudado a Samsung”, acrescentou. Os analistas acreditam que a falta de Galaxy seja apenas temporária, apesar de já ter custado 2 milhões de unidades não vendidas no segundo trimestre.
A Samsung prevê outro trimestre de receita recorde para a divisão de celulares, com ajuda do modelo anterior Galaxy II S e da combinação de celular e tablet Galaxy Note. O Barclays reduziu a projeção de vendas do Galaxy S III no segundo trimestre de 8 milhões para 6,5 milhões, mas elevou em um milhão, para 15 milhões, a projeção para o trimestre seguinte.
A Samsung diz já ter solucionado a falta de peças e que está correndo para atender à demanda. “É simples: a demanda superou nossa expectativa, mas isso não quer dizer que nossa previsão era muito conservadora”, afirmou a Samsung à Reuters.
Para que as empresas não incorram nos mesmos erros, conheça e estabeleça metas reais de vendas e consequentemente de produção. Isto é gestão.
Fonte- Olhar Digital
Duplo Foco
Junho2012

Compartilhe isso:

Share on facebook
Share on twitter

Você também vai gostar desses posts

GERALDO VEIGA

Diretor Executivo da Duplo Foco

Diretor Executivo da Duplo Foco
Construiu sua carreira profissional entre São Paulo e Rio de Janeiro, nas áreas de serviços Financeiros, Construção Civil, Bens de Consumo, Telecomunicações e Tecnologia da Informação. Possui mais de 25 anos de atuação empresarial definindo e implantando ações de estratégias empresariais em Marketing e Finanças. Administrador pela Escola Superior de Administração de Negócios (FEI-SP), com MBA em Marketing de Serviços e MBA em Gestão de Negócios TI pela FGV-RJ. É Mestre em Administração de Empresas pelo Ibmec-RJ (MsC) com especialização pela UFRJ- Coope-Crie em Web Intelligence e Analítica de Dados. Atualmente produzindo artigos na linha de pesquisa do campo da gestão e visualização de dados para empresas e novos produtos.

ALCANCE SEUS OBJETIVOS E APRIMORE
A GESTÃO DA SUA EMPRESA
%d blogueiros gostam disto: