Loading...
10 de julho de 2012

5 Forças de Porter

“Cinco Forças de Porter” é um modelo desenvolvido por Michael Porter em 1979 para analisar a competição entre empresas.  Esse modelo considera cinco forças competitivas que devem ser estudados para que se desenvolva uma estratégia empresarial eficiente e de sucesso: analisando o ambiente competitivo em que a empresa está inserida e assim determinar o qual o melhor posicionamento que seu negócio deve tomar frente a seus concorrentes.

 

Porter, ao desenvolver essa ferramenta, avaliou que a estratégia competitiva de um empreendimento deve aparecer a partir da compreensão das regras da concorrência que definem como funciona o mercado. Seu lançamento inovou a maneira de se enxergar como se comportam as empresas concorrentes. Antes, a competição estava tão somente relacionada à rivalidade entre empresas. Com a apresentação desse novo modelo, empreendedores puderam entender que na verdade seus concorrentes podem auxiliar seu negócio; pois através da análise destes é possível enxergar erros e acertos que podem ser revertidos para seu próprio empreendimento.

 

Para desenvolver a sua análise, é então preciso que se analise os cinco contextos – no caso forças – em que a empresa está inserida. Segundo Porter, há uma força central – a rivalidade entre os concorrentes – e outras quatro que a impactam diretamente de maneiras diferentes: ameaça de produtos e serviços substitutos, poder de barganha dos fornecedores, ameaça de novos concorrentes e poder de barganha dos clientes.

 

Uma vez identificando e compreendendo essas forças, é possível direcionar as análises estratégicas da empresa com o intuito de identificar qual o real grau de atratividade ou competição no setor em que está inserido. Quanto mais controladas e compreendidas as pressões exercidas pelas cinco forças, maior a probabilidade da empresa obter vantagens competitivas em relação as demais; atingindo assim bons resultados.

 

Assim, ao lançar mão dessa ferramenta, o empresário passa a ter uma visão mais ampla e abrangente de como se comporta sua concorrência, tirando proveito disso para melhor se posicionar no mercado. Para auxiliar sua empresa no entendimento dessa metodologia, iniciamos hoje uma série de posts que analisará cada uma das forças e sua aplicação.

Leia o Artigo referente a Primeira Força de Porter: Rivalidade entre os Concorrentes

Fonte: Marcelo Nakagawa (Professor e Coordenador do Centro de  Empreendedorismo do INSPER

%d blogueiros gostam disto: